1. Guia
  2. MS
  3. JARDIM
  4. Detalhes da cidade
Guia da cidade - JARDIM


Detalhes da cidade: JARDIM-MS


  • Cidade: JARDIM - Estado: MS
  • DDD: 67
  • Região: Bodoquena
  • População: 25.617 habitantes (Homens: 48% / Mulheres: 48%)
  • Homens: 12.268
  • Mulheres: 12.355
  • Total de domicílios: 7.533
  • Distância da capital (em km): 193
  • Área (km²): 22.017
  • Densidade demográfica: 112
  • Frota de veículos: 9.802
  • Indústrias: 154
  • Serviços: 639
  • Agronegócios: 24
  • Comércio: 774
  • Número de empresas: 1.591
  • Serviços de saúde: 24
  • Agências bancárias: 4
  • Educação: 35
  • Administração pública: 14
  • Atividades financeiras: 7
  • Correios e telecomunicações: 2
  • Transportes: 44
  • Alojamento: 18
  • Alimentação: 67
  • Comércio e reparo de veículos: 135
  • Serviços em geral: 289
  • Indústria extrativa: 8
  • Construção: 42
  • Reciclagem: 2
  • Eletricidade, gás e água: 5
  • Indústrias em geral: 97
  • Comércio atacadista: 69
  • Comércio varejista: 705


  • Jardim Mato Grosso do Sul - MS

    Histórico

    O devassamento e a consequente criação de povoados que posteriormente se erigiram em próspero municípios se deve aos Lopes que nestas andanças chegaram até as campanhas paraguaias, indo um deles, Gabriel Lopes, fincar os esteios de uma fazenda de criação de gado bovino, às margens do Rio Apa, provavelmente no ano de 1846.

    Os irmãos Gabriel e José Francisco Lopes eram profundos conhecedores da Região. Razão porque, durante a Campanha do Paraguai, José foi escolhido como guia das tropas comandadas pelo Cel. Camisão, na epopéia da Retirada da laguna. Prestou inestimáveis serviços à coluna, levando-a com segurança até 52 km. Antes de atingir Nioaque. Nesta região, onde hoje se eleva a próspera cidade de Jardim, faleceu de cólera morbo o cel. Camisão.

    Em virtude de apresentar terras férteis e bons campos, deu-se o povoamento progressivo da região, sendo seus primeiros moradores Júlio Mariani, Euzébio Paz, Bernardino Machado da Silva, Círilo Braga, Newton Campbel, Nelson Tavares, Clóvis Lorentz Carvalho, Claudionor S. Chermont, Virgílio Cerzósimo e outros.

    Em 27 de novembro de 1938, a Comissão de Estradas de Rodagem nº 3 (CER-3), instalou um departamento de Administração a 2 km. de Guia Lopes, nas cercanias do povoado de Jardim, sob a chefia do Major Alberto Rodrigues da Costa que procedeu ao levantamento e distribuição de 40 há. de terras adquiridas de Fábio Martins Barbosa, proprietário da fazenda Jardim.

    A implantação da CER-3 muito contribuiu para um rápido crescimento da nova povoação.

    Acredita-se que o topônimo Jardim foi adotado da fazenda, em cujas terras se edificou a cidade.

    Gentílico: jardinense

    Formação Administrativa

    Distrito criado com a denominação de Jardim pela Lei Estadual nº 119, de 13-09­1948, no Município de Bela Vista.

    No quadro fixado para vigorar no período de 1949/1953, o Distrito de Jardim figura no Município de Bela Vista.

    Elevado a categoria de município com a denominação Jardim pela Lei Estadual nº 677, de 11-12-1953, desmembrado de Bela Vista. Sede no antigo Distrito de Jardim (ex­povoado). Constituído do Distrito Sede. Instalado em 31-01-1954.

    No quadro para vigorar no período de 1954/1958, o município é constituído do Distrito Sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-XII-1960.

    Pela Lei Estadual nº 2080, de 14-12-1963, é criado o Distrito de Boqueirão e incorporado ao Município de Jardim.

    Em divisão territorial datada de I-I-1979, o município é constituído de 2 Distritos: Jardim e Boqueirão.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1199.

    Fonte: IBGE