1. Guia
  2. MS
  3. CASSILANDIA
  4. Detalhes da cidade
Guia da cidade - CASSILANDIA


Detalhes da cidade: CASSILANDIA-MS


  • Cidade: CASSILANDIA - Estado: MS
  • DDD: 67
  • Região: Cassilândia
  • População: 21.685 habitantes (Homens: 49% / Mulheres: 49%)
  • Homens: 10.531
  • Mulheres: 10.569
  • Total de domicílios: 7.263
  • Distância da capital (em km): 339
  • Área (km²): 36.498
  • Densidade demográfica: 58
  • Frota de veículos: 11.722
  • Indústrias: 211
  • Serviços: 748
  • Agronegócios: 26
  • Comércio: 809
  • Número de empresas: 1.794
  • Serviços de saúde: 34
  • Agências bancárias: 4
  • Educação: 21
  • Administração pública: 11
  • Atividades financeiras: 7
  • Correios e telecomunicações: 4
  • Transportes: 125
  • Alojamento: 20
  • Alimentação: 117
  • Comércio e reparo de veículos: 117
  • Serviços em geral: 288
  • Indústria extrativa: 2
  • Construção: 35
  • Reciclagem: 5
  • Eletricidade, gás e água: 9
  • Indústrias em geral: 160
  • Comércio atacadista: 84
  • Comércio varejista: 725


  • Cassilândia Mato Grosso do Sul - MS

    Histórico

    Os cronistas da época assinalam que, por volta de 1930, nas terras que hoje compõem o Município de Cassilândia, já se encontravam instalados diversos fazendeiros, entre os quais Antônio Paulino, Izaias Teixeira Borges e Evangelista Cândido de Oliveira, arrojados pioneiros e que se referiam àquelas paragens como Sertão dos Garcias.

    Em 1931, procedente de Patrocínio, Minas Gerais, chegava Joaquim Balduíno de Souza se estabelecendo em terras devolutas, junto às propriedades já existentes. Em 1943, Joaquim Balduíno, mais conhecido pela alcunha de Cassinha, considerando a distância e as dificuldades para atingir os centros comerciais, idealizou a formação de um povoado que servisse de apoio para os fazendeiros que dia a dia se deslocavam para a região; procedento a doação de um terreno a São José, onde seriam construídas uma praça e a igreja. A seguir procedeu a demarcação do terreno da praça e abertura da primeira rua que recebeu o seu nome.

    A 15 de dezembro de 1944, procedente de Bonifácio, São Paulo, chegava o libanês Amim José, em companhia de sua família, construíndo a primeira casa em terras ainda pertecentes à Fazenda Salto, de propriedade de Cassinha. No mesmo ano, surgiu um botequim e uma pensão, dando-se assim início a formação do povoado. Com a chegada de novos moradores, Cassinha, percebendo o futuro da povoação, resolveu doar parte de sua falenda para permitir a expansão do Patrimônio, que teve a denominação de São José. Posteriormente, em homenagem a Cassinha, tomou a denominação de Cassilândia.

    Em março de 1946, foi instalada a primeira escola, tendo sido nomeada professora a Sra. Aidê Amin.

    Cassilândia se desenvolvia a largos passos, quando Cassinha, que a par de suas atividades agropecuárias, explorava um serviço de balsas para a travessia do Rio Aporé, foi barbaramente assassinado por desconhecidos. Coube então a Sebastião Leal, amigo e colaborador de Cassinha, dar continuidade à sua obra.

    Em 1948, foi criado o Distrito de Cassilândia sendo eleito Juiz de Paz o cidadão Eduardo Pereira da Silva. O Cartório do Registro Civil, instalado em 1949, teve como primeiro titular Hermelinda Barbosa Leal.

    Em 1971, o gaúcho Júlio Martins, agricultor tradicional, sobrevoando a região dos chapadões do município, e tendo notado a excelente qualidade e o alto teor de fertilidade das terras, aterrissou na atual rodovia MS 306, a fim de proceder um exame mais minucioso da região. A seguir, adquiriu diversas glebas e trouxe inúmeras famílias do Rio Grande do Sul, passando a explorar, dentro de padrões técnicos elevados, a sojicultura, na área. O Chapadão dos Gaúchos, como passou a ser conhecida a região, produz uma média de 100.000 toneladas de soja por ano e se constitui num dos grandes celeiros do Estado de Mato Grosso do Sul.

    O Topônimo do município é uma homenagem a Joaquim Balduíno de Souza, conhecido pela alcunha de Cassinha, um dos fundadores da Cidade de Cassilândia e doador da área que constituiu o rocio da cidade.

    Gentílico: cassilandense

    Formação Administrativa

    Distrito criado com denominação de Cassilândia (ex-povoado), por Lei Estadual nº 154, de 12-10-1948, no Município de Paranaíba.

    No quadro fixado para vigorar no período de 1949/1953, o distrito figura no Município de Paranaíba.

    Elevado à categoria de município com a denominação de Cassilândia, por Lei Estadual nº 368, de 30-06-1954. Desmembrado de Paranaíba. Sede no antigo Distrito de Cassilândia (ex-povoado). Constituído do Distrito Sede. Instalado em 03-08-1954.

    Por Lei Estadual nº 1204, de 27-12-1958, o Distrito de Baús, com seu território do Município de Paranaíba passou a pertencer ao Município de Cassilândia. Em divisão territorial datada de 1-07-1960, o município é constituído de 2 Distritos: Cassilândia e Baús. Por Lei Estadual nº 2065, de 14-12-1963, é criado o Distrito de Indaiá do Sul incorporado ao Município de Cassilândia. Em divisão territorial datada de 1-1-1979, o município é constituído de 3 Distritos: Cassilândia, Baús e Indaiá do Sul. Por Lei Estadual nº 76, de 12-05-1980, desmembra do Município de Cassilândia o Distrito de Baús para formar o novo Município de Costa Rica.

    Em divisão territorial datada de 15-07-1997, o município é constituído de 2 Distritos: Cassilândia e Indaiá do Sul.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-07-1999.

    Fonte: IBGE