1. Guia
  2. AL
  3. PENEDO
  4. Detalhes da cidade
Guia da cidade - PENEDO


Detalhes da cidade: PENEDO-AL


  • Cidade: PENEDO - Estado: AL
  • DDD: 82
  • Região: Penedo
  • População: 64.292 habitantes (Homens: 46% / Mulheres: 49%)
  • Homens: 29.561
  • Mulheres: 31.338
  • Total de domicílios: 16.503
  • Distância da capital (em km): 116
  • Área (km²): 6.893
  • Densidade demográfica: 884
  • Frota de veículos: 11.315
  • Indústrias: 217
  • Serviços: 1.058
  • Agronegócios: 17
  • Comércio: 1.400
  • Número de empresas: 2.692
  • Serviços de saúde: 30
  • Agências bancárias: 5
  • Educação: 37
  • Administração pública: 13
  • Atividades financeiras: 8
  • Correios e telecomunicações: 1
  • Transportes: 177
  • Alojamento: 18
  • Alimentação: 120
  • Comércio e reparo de veículos: 117
  • Serviços em geral: 532
  • Indústria extrativa: 5
  • Construção: 60
  • Reciclagem: 5
  • Eletricidade, gás e água: 5
  • Indústrias em geral: 142
  • Comércio atacadista: 63
  • Comércio varejista: 1.337


  • Penedo Alagoas - AL

    Histórico

    Existem duas versões para a origem do município de Penedo. A primeira, de que a criação do povoado está relacionado a Duarte Coelho Pereira, primeiro donatário da capitania de Pernambuco, que se aventurou em viagens de exploração do rio São Francisco. A segunda, mais divulgada, credita essa responsabilidade a seu filho, Duarte Coelho de Albuquerque, que herdou a capitania. De acordo com o historiador Craveiro Costa, a conquista de Alagoas e, particularmente, de Penedo, começou em 1560, quando Albuquerque organizou duas bandeiras: uma com destino ao norte de Olinda e outra para o sul.

    A que se dirigiu ao sul atingiu o rio São Francisco entre 1560 e 1565. A primeira sesmaria registrada na região data de 1596, mas acredita-se que o povoado só foi oficialmente fundado a partir de 1613, com o recebimento de uma sesmaria por Cristóvão da Rocha. Em 1636, foi elevada à Vila de São Francisco e no final do século XVII passou a ser chamada de Penedo do Rio São Francisco. Em 1842, foi elevada à categoria de cidade.

    Erguendo-se imponente sobre um rochedo às margens do rio São Francisco, a cidade de Penedo é um relicário vivo, que conserva um patrimônio artístico-cultural de grande valor, tendo sido palco dos acontecimentos mais importantes do Brasil Colonial. As marcas dos colonizadores portugueses, holandeses e dos missionários franciscanos, podem ser constatadas na arquitetura barroca de conventos e igrejas. Um passeio pelas águas do "Velho Chico" é um convite à descoberta de ilhas, prainhas e lugarejos. A culinária e as manifestações folclóricas são atração à parte. As festividades duram o ano inteiro: Festa do Bom Jesus dos Navegantes (janeiro), Festival de Tradições Populares e aniversário da cidade (abril), Circuito de Jeep (maio), São João (junho), Circuito de Motovelocidade (agosto), Penedo Fest (Outubro), Gincana de Pesca de Arremesso (novembro) e Natal (dezembro).

    Gentílico: penedense

    Formação Administrativa

    Elevado à categoria de vila com a denominação de Penedo, pelo decreto lei 12-04-1636. Instalado em 19-09-1658. Sede na povoação de Penedo.

    Elevado á condição de cidade com a denominação de Penedo, pela lei provincial nº 3, de 18-04-1842.

    Pela lei nº 82, de 20-07-1895, o município de Penedo adquiriu o extinto município de Triunfo, como simples distrito.

    Pela lei nº 162, de 28-05-1897, desmembra do município de Penedo o distrito de Triunfo. Elevado à categoria de município.

    Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído do distrito sede.

    Assim permanecendo em divisões territoriais datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

    No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é constituído do distrito sede.

    Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

    Fonte: IBGE