Bairros


Dados Cidade

  • Área: 69.504 km2
  • Frota de Veiculos: 45.287
  • Industrias: 399
  • Servicos: 1.689
  • Agribussiness: 44
  • Comercio: 3.134
  • Ver mais...
  • Área: 69.504 km2
  • Densidade Demográfica: 117
  • Frota de Veiculos: 45.287
  • Industrias: 399
  • Servicos: 1.689
  • Agribussiness: 44
  • Comercio: 3.134
  • Número de Empresas 5.266
  • Serviços de saúde: 58
  • Agências bancárias: 4
  • Educação: 61
  • Administração pública: 14
  • Atividades financeiras: 28
  • Correios e telecomunicações: 9
  • Transportes: 197
  • Alojamento: 37
  • Alimentação: 237
  • Comércio e reparação de veículos: 279
  • Serviços em geral: 765
  • Indústria extrativa: 3
  • Construção: 114
  • Reciclagem: 4
  • Eletricidade gás e água: 8
  • Indústria em geral: 270
  • Comércio atacadista: 389
  • Comércio varejista: 2.745
  • Código IBGE: #4317103
« Página anterior ... 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... Próxima página »

SANTANA DO LIVRAMENTO - Rio Grande do Sul

  • DDD: 55
  • População: 81.181 habitantes (Homens: 48% / Mulheres: 52%)
  • Total de domicílios: 26.945
  • Região: Campanha Central
  • Distância da Capital: 424 km
  • Histórico: Clique para ver o histórico...
    Santana do Livramento Rio Grande do Sul ? RS

    Histórico

    O Município de Santana do Livramento foi, inicialmente, ocupado pelos índios minuanos e charruas.

    Por volta do ano de 1810, houve um combate entre forças portuguesas e espanholas, saindo vitoriosas as primeiras. Posteriormente, os oficiais que guarneciam as fronteiras foram aos poucos levantando moradias, constituindo, assim, os primeiros núcleos de colonização no território.

    Em 1834, a Sra. Ana Ilha de Vargas, fazendeira abastada, doou à igreja uma imagem de Nossa Senhora de Santa Ana, na condição de ser esse o nome dado ao curato. O município passou, então, a denominar-se Santana do Livramento e, mais tarde, somente Livramento. Em 1957, foi restituída a antiga denominação.

    Gentílico: santanense

    Formação Administrativa

    Distrito criado com a denominação de Santana do Livramento, por lei provincial nº 156, de 07-08-1848, no município de Alegrete.

    Elevado à categoria de vila com a denominação de Santana do Livramento, por lei provincial nº 351, de 10-02-1857, desmembrado de Alegrete. Constituído do distrito sede. Instalado em 29-06-1857.

    Elevado à cidade, por lei provincial nº 1013, de 06-04-1876.

    Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 4 distritos: Santana do Livramento, São Diogo, Upamaroti e Quaraí.

    Por ato municipal nº 18, de 01-08-1912, é criado o distrito de Ibicuí, Pedregal, Conceição e Passo do Espinilho e anexado ao município de Santana do Livramento.

    Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 7 distritos: Santana do Livramento, Upamaroti, Ibicuí, Conceição, São Diogo, Passo do Espinilho e Pedregal. Não figurando o distrito de Quaraí.

    Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município já denominado Livramento figura com 7 distritos: Livramento, Conceição, Ibicuí, Passo do Espinilho, São Diogo, Upamaroti e Vista Alegre. Não figurando o distrito de Pedregal.

    Pelo decreto estadual nº 7199, de 31-03-1938, o município de Santana do Livramento passou a denominar-se Livramento e o distrito de Conceição passou a denominar-se Porteirinha. Ainda sob o mesmo decreto acima citado os distritos de Passo do Espinilho e Vista Alegre foram anexados ao distrito de Porteiruinha ex-Conceição.

    No quadro para vigorar no período de 1939-1943, o município é composto dos distritos de Livramento (zonas: Livramento, Upamaroti, Ibicuí e Porteirinha.

    No quadro para vigorar no período de 1944-1948, o município é composto de Livramento (formado por 3 subdistritos: Livramento, Upamoroti, Ibicuí e Pampeiro (ex-Porteirinha).

    Pelo decreto-lei estadual nº 720, de 29-12-1944, o distrito de Upamaroti, Ibicuí foram extintos. Sob o mesmo decreto o distrito de São Diogo foi extinto sendo seu território anexado ao distrito de Pampeiro.

    Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 2 distritos: Livramento e Pampeiro.

    Pela lei estadual nº 3308, de 13-12-1957, o município de Livramento passou a denominar-se Santana do Livramento.

    Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município já denominado Santana do Livramento é constituído de 2 distritos: Santana do Livramento e Pampeiro.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 18-VIII-1988.

    Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído de 7 distritos: Santana do Livramento, Cati, Espinilho, Ibicuí, Pampeiro, São Diogo e Upamaroti.

    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 14-V-2001.

    Alterações Toponímicas Municipais

    Santana do Livramento para Livramento alterado em divisões territoriais datadas de 31­XII-1936 e 31-XII-1937

    Livramento para Santana do Livramento alterado, pela lei n º 3308, de 13-12-1957.

    Alteração Toponímica Distrital

    Conceição para Porteirinha alterado, pelo decreto estadual nº 7199, de 31-03-1938.

    Distrito Extinto

    Pelo decreto-lei estadual os distritos de Upamaruti, Ibicuí foram extintos.

    Fonte: IBGE

    Site: www.entrei.net

ABATE


ABSORVENTES


ACABAMENTO


ACESSORIOS

« Página anterior ... 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... Próxima página »